Páginas

INQUIETO

"Mas sigo o meu trilho. Falo o que sinto e sinto muito o que falo - pois morro sempre que calo." (Affonso Romano de Sant'Anna_Que País é Este?)
Mostrando postagens com marcador fogo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador fogo. Mostrar todas as postagens

domingo, 20 de dezembro de 2020

Lar de

 Já não tenho casa

Ou nunca tive conforto

Não pertenço a lugares

Mas a sentimentos

Que mudam a cada instante

Portanto moro em apartamentos

Em condomínio de emoções

Das minhas próprias emoções

Cheio de elevadores e escadas

Esse edifício pega fogo a todo instante

Há sempre um incêndio

E preciso correr de mim mesmo

Pra lugar algum

A única saída plausível

É a janela

Mas que acaba me fazendo ver

Ter mais belezas aqui dentro

Que suposto nos olhos alheios

Portanto fico

E queimo

O fogo arde e cura

Se desaba um andar da minha brasa

Já tenho um novo lar para viver