Páginas

INQUIETO

"Mas sigo o meu trilho. Falo o que sinto e sinto muito o que falo - pois morro sempre que calo." (Affonso Romano de Sant'Anna_Que País é Este?)

quarta-feira, 13 de março de 2013

aMuse-se

Navegue seu apreço em cada letra
e, a cada lance do acaso, me prometa
escorrer, nas lágrimas, o meu sangue
para dar, ao mar, um mangue.

Conserve os fracos galhos na salmoura
para se tornar a mulher que fora
a musa destes versos transviados
que pintam a pele em tons amargos.

Se se soltar do que lhe faz presa,
lhe acolherei com gentileza
para devorar sua perspicácia.

Não posso mais deixar acesa
à vossa ordem vaga, Altesa,
a longa ânsia pela sua audácia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário